BLOG

UM LUGAR ESPECIAL PARA INSPIRÁ-LO COM BELOS CENÁRIOS, CURIOSIDADES, EXPERIÊNCIAS DOS VIAJANTES, ALÉM DE DICAS E TÉCNICAS DE FOTOGRAFIA COMPARTILHADAS PELOS RENOMADOS FOTÓGRAFOS DO NOSSO TIME.

BRASIL | LENÇÓIS MARANHENSES

21 ago 2018 | Por Cristiano Xavier

Apesar de ser a sétima vez que visito os Lençóis Maranhenses, esta paisagem mágica sempre me surpreende. Desta vez escolhemos o mês de agosto para aproveitar algumas particularidades do clima da região que poderiam enriquecer nossas imagens.

O grupo, como sempre, foi excelente! A interação, as conversas sobre fotografia, as madrugadas e fins de tarde com belíssimas luzes e é claro, todos com lindas imagens na bagagem.

Nos encontramos em São Luís, capital do Maranhão, para um jantar de boas vindas e no dia seguinte já saímos em transporte privativo em direção a Barreirinhas, nossa primeira base para o acesso às locações. Logo após a chegada, partimos ao aeroporto onde um avião particular nos aguardava para um sobrevoo fotográfico no fim da tarde. Uma perspectiva diferente da imensidão de dunas brancas e lagoas verdes e azuis. A luz estava perfeita e tivemos uma visão de tirar o fôlego, iniciando a viagem com o pé direito!

No dia seguinte acordamos bem cedo para capturar a luz perfeita do nascer do sol e assim fizemos. A direção da luz é muito importante para evidenciar as formas e texturas das dunas e por isso chegar cedo é importante. Caminhamos por entre as lagoas procurando composições novas e sempre observando o movimento das nuvens, que se descortinavam dando vazão aos raios de sol que iluminavam a paisagem pontualmente. Um jogo de luz e sombra que se movia pincelando as dunas. Por volta das 09:00h, já era hora de voltar a pousada, pois a luz já não é tão boa, o clima é mais quente e já havíamos tido tempo suficiente para fotografar a região. Com o café da manhã tomado, descansamos por algum tempo antes de avaliar as fotos produzidas pela manhã e sairmos para uma nova sessão com fotos ao pôr do sol e à noite.

Fotos: Cristiano Xavier. Todos os Direitos Reservados.

O nosso quarto dia de expedição começou com o grupo descendo o rio Preguiças de barco até a vila de Atins, sempre fotografando os mangues, a vida selvagem e os personagens típicos da região como, por exemplo, os pescadores em suas canoas recolhendo o peixe das redes. De lá é possível acessar uma região mais deserta e primitiva dos Lençóis Maranhenses e isso nos permitiu uma imersão maior na paisagem, na cultura e também na gastronomia dos ribeirinhos. Destaque para o camarão na brasa que degustamos no primeiro almoço.

Reservamos a manhã seguinte para uma sessão de edição e tratamento de imagens, analisando de maneira mais ampla o material produzido até ali. Erros e acertos, opiniões, sugestões e, é claro, dicas de processamento das imagens no Lightroom e Photoshop. No final da tarde, uma nova saída para fotografar a revoada dos guarás com sua cor vermelho vibrante, seguida de mais uma sessão de fotografia noturna e lightpainting para encerrar uma semana super agradável.

Os Lençóis Maranhenses é um dos lugares mais incríveis do Brasil e não vejo a hora de retornar no ano que vem!

Cristiano Xavier

Autor:

Cristiano Xavier

Mineiro de Belo Horizonte, Cristiano Xavier é fotógrafo com grande experiência em fotografia de natureza, paisagens e fotografia noturna. É sócio da OneLapse, sócio da OneLapse e coordena a maior parte das expedições da empresa.

O QUE ACHOU? DEIXE SEU COMENTÁRIO: