BLOG

UM LUGAR ESPECIAL PARA INSPIRÁ-LO COM BELOS CENÁRIOS, CURIOSIDADES, EXPERIÊNCIAS DOS VIAJANTES, ALÉM DE DICAS E TÉCNICAS DE FOTOGRAFIA COMPARTILHADAS PELOS RENOMADOS FOTÓGRAFOS DO NOSSO TIME.

A hora azul

21 maio 2018 | Por Cristiano Xavier

A luz é um elemento primordial para um fotógrafo de paisagem.

É importante se antecipar aos acontecimentos e estar no lugar certo e na hora certa quando alguns fenômenos acontecem. A chamada “hora azul” é um deles.

Este efeito visual se dá com mais evidência em altas latitudes, como no extremo norte ou extremo sul do planeta e é bem evidenciada próximo ao inverno, quando o sol não atinge grande altura no horizonte.

Devido à posição da Terra, o nascer e pôr do sol se dão em um ângulo muito baixo e por isso a transição entre dia e noite acontece de forma lenta, deixando um resíduo de luz rebatida por mais tempo. Esta é a hora azul. Nas regiões equatoriais este fenômeno também existe, mas sua duração é muito mais curta.

Fotos: Cristiano Xavier. Todos os Direitos Reservados.

Nesta imagem, feita na Noruega, fotografei no curto intervalo onde consegui balancear a intensidade luminosa do céu e as luzes da pequena Å, a última vila no extremo sudoeste do arquipélago de Lofoten. Mesmo sendo uma longa exposição quase noturna, optei por manter a qualidade da imagem usando um ISO mais baixo.

Lofoten é sempre surpreendente, suas montanhas quase verticais e seu clima instável nos propiciam momentos de luz únicos e também nos instigam a voltar todos os anos para contemplar a beleza deste lugar de natureza tão preservada.

CONFIGURAÇÕES DA IMAGEM:

  • Câmera: Canon 5DS
  • Lente: 16-35mm f:4 IS
  • Abertura: f:10
  • ISO: 160
  • Velocidade: 30 seg
  • Local: Lofoten, Noruega
Cristiano Xavier

Autor:

Cristiano Xavier

Mineiro de Belo Horizonte, Cristiano Xavier é fotógrafo com grande experiência em fotografia de natureza, paisagens e fotografia noturna. É sócio da OneLapse, sócio da OneLapse e coordena a maior parte das expedições da empresa.

O QUE ACHOU? DEIXE SEU COMENTÁRIO: